SEO interno

SEO interno: o que é e como otimizá-lo

O SEO interno, também conhecido como SEO on page, é uma estratégia que busca otimizar toda a estrutura de um site para ajudá-lo a conquistar melhores posições nas buscas do Google.

Diferentemente de uma estratégia de SEO off page, o SEO interno tem o objetivo de facilitar o trabalho dos robôs de busca depois que eles acessam a sua página, ajudando sua página a conquistar um melhor ranqueamento nas buscas orgânicas.

Por que o SEO interno é tão importante?

A arquitetura de um site faz toda a diferença na estratégia online de uma empresa. Além de tornar o site mais leve e fácil de carregar, um site bem construído permite que os robôs de busca entendam do que se trata e o que os usuários vão encontrar ao visitar a sua página.

Assim, eles vão ranquear a sua página de acordo com as palavras-chave e outros elementos de destaque encontrados nela. É um elemento muito importante em uma estratégia de marketing digital, pois, sem o SEO interno, a empresa terá dificuldades em conquistar as melhores posições no Google.

Como melhorar minha estratégia de SEO interno?

São várias as ações que sua empresa pode realizar para otimizar o site de acordo com as melhores práticas de SEO interno. Entre as principais podemos destacar.

1. Usar URLs amigáveis

Cada página do site de sua empresa possui uma URL, que é o endereço que o cliente digita no navegador para acessá-la. E permitir que as URLs de seu site sejam fáceis de entender e de memorizar pode ajudar o seu visitante a saber o assunto da página antes mesmo de acessá-la.

Por isso, o ideal é que as URLs de seu site sejam curtas, evitando números e caracteres especiais, pois isso pode confundir os usuários. Além disso, não se esqueça de usar a palavra-chave de sua página na URL, ajudando os robôs de busca a saber do que se tratam.

2. Investir nos links internos

Uma boa estratégia de SEO interno se preocupa com os links que direcionam os visitantes para outras páginas de seu site.

Os links internos são eficientes para manter o visitante navegando em seu site, ajudando a diminuir a taxa de rejeição de um site. Eles também facilitam o trabalho dos robôs de busca, que encontram com maior facilidade todo o conteúdo de uma página.

Com uma taxa de rejeição pequena e links para várias de suas páginas, o seu site poderá conquistar melhores posições nas buscas.

3. Otimizar as tags H1, H2 e H3

As tags H1, H2, e H3, conhecidas como heading tags,  são muito importantes para o SEO interno de um site. Além de ajudar na organização das informações de uma página, os robôs de busca dão maior importância para as palavras-chave que se encontram nestas tags, entendendo que elas ajudam o usuário a saber do que a página se trata.

Por isso, é muito importante que o seu site utilize as heading tags em todas as suas páginas, garantindo que elas contenham a sua palavra-chave e sigam a hierarquia corretamente — sendo a H1 mais valiosa do que a H3.

4. Criar uma boa meta description

A meta description é o texto localizado logo abaixo do endereço de seu site nas buscas do Google. Ele ajuda o usuário a entender o que encontrará em sua página antes de acessá-la, influenciando diretamente no número de cliques que sua página recebe.

Por esse motivo, o ideal é que a sua meta description consiga mostrar em, no máximo, 155 caracteres o motivo pelo qual o usuário deve acessá-la.

5. Validar o seu código HTML

Um site com erros de programação em seu HTML pode prejudicar a experiência dos seus usuários, sendo mais lentos e pesados para carregar. Assim, é muito importante que você tenha a certeza de que não há problemas com o HTML de sua página, e que você verifique se ela foi programada corretamente.

Uma boa ferramenta para ajudar neste trabalho é o W3C Validator, que mostra para você de forma rápida todos os erros de sua página.

Gostou deste artigo? Curta a nossa página no Facebook e receba mais dicas para ajudar sua empresa a ser encontrada por seus clientes nas buscas do Google.

call

Você também pode se interessar por estes posts